Descobrindo o Algarve: #4 Praia de Benagil

A ansiedade era grande.

Depois de quase três anos morando em Portugal, ainda não havia conhecido um dos lugares mais famosos do Algarve.

A Praia de Benagil é um dos locais mais fotografados do país, especialmente a sua incrível gruta, que já foi, inclusive, utilizada em campanhas de turismo de Portugal.

gruta-benagil-1261x800
Algar de Benagil | Foto: Experitour

Mas nós já vamos chegar lá.

Infelizmente, o acesso por meio de transporte público é um pouco complicado. Isso porque tanto a estação de ônibus como a de trem ficam longe da costa, mais precisamente na cidade de Lagoa, uma distância entre 8 e 9 quilômetros.

Até existe um ônibus que faz o trajeto Lagoa e Benagil, porém seus horários são escassos e não funciona durante os fins-de-semana (!). O Algarve às vezes tem dessas coisas.

A sugestão aqui é convidar outras pessoas e quando chegarem lá, dividir um táxi ou Uber (entre 9€ e 13€) para chegar na praia.

Outra opção é o aluguel de carro ou moto. São dezenas de rent-a-cars dentro e próximas do Aeroporto de Faro, que podem ser a solução para explorar o local.

A praia de Benagil:

Uma coisa é uma coisa. Outra coisa é outra coisa. A Praia e o Algar de Benagil são coisas diferentes. A primeira é uma praia normal com uma faixa de areia não muito grande e um mar lindo. 

DSC_0117
Praia de Benagil, Algarve | Foto: André Ries

Sua extensão termina em ambos os lados com grandes paredes das falésias. Do lado direito de quem olha o mar, é possível subir e caminhar entre as pedras e obter uma vista muito bonita de “dentro do mar”.

DSC_0100
Praia de Benagil, Algarve | Foto: André Ries

Logo na sua entrada, há um café/restaurante e alguns guichês onde podem ser comprados bilhetes para os passeios de barco ou para o aluguel de pranchas de stand-up paddle ou caiaques. É com eles que as pessoas conhecem o Algar de Benagil.

Acesso apenas pelo mar:

Para se ter o privilégio de conhecer a gruta, estar lá dentro e respirar aquele ar diferente é preciso enfrentar as águas geladas do mar.

Felizmente, são apenas 100 metros de distância.

Minha primeira sugestão é de que, em hipótese alguma, deixe de visitar a gruta! A sensação é indescritível.

Segunda sugestão é de que faça isso entre 11h e 13h, pois é quando o sol está bem alto e incide melhor a luminosidade na cave. 

Porém, programe-se para chegar cedo, senão terás que esperar. Quando eu fui alugar o caiaque, eram 11h e eles só estavam disponíveis às 15h.

Ainda tem mais!

Essa região do Algarve é incrivelmente especial.

O distrito de Lagoa, além da Praia de Benagil, pode se vangloriar de dizer que possui outras duas das praias mais incríveis do Algarve: Praia da Marinha, que possui incríveis formações rochosas e a Praia do Carvoeiro, que em 2018 ganhou o prêmio de Melhor Destino de Praia da Europa.

DSC_0246.JPG
Praia da Marinha, Algarve | Foto: André Ries

Assim que possível deve sair post sobre elas também!

Gostou? Curte e compartilha! Para mais conteúdos, acesse nosso Instagram e Facebook!

 

Descobrindo o Algarve: #3 Lagos

Sem dúvida uma das praias mais conhecidas do Algarve.

Particularmente falando, a mais bonita também.

Na verdade, o certo seria dizer as praias. Meia Praia, Praia da Batata, do Pinhão, Dona Ana, dos Estudantes, do Camilo, dos Pinheiros, etc. Uma do lado da outra. Entre as subidas e descidas das falésias.

IMG_20160821_103600

Como ir?

Saindo de Faro é possível ir de ônibus ou trem. Na primeira opção, menos horários, passagem a 11,80€ (ida e volta). Na segunda, 14,60€, mas se comprar com antecedência de cinco dias consegue-se mais barato.

Quando eu visitei Lagos, em Setembro, fui de trem. Viagem tranquila, passando por várias cidades e duração de pouco menos de duas horas. No auge do verão, talvez um pouco mais por causa do movimento. A estação fica do outro lado da marina da cidade, na parte da Meia Praia. É preciso atravessar uma ponte que abre e fecha constantemente para chegar ao restante dos lugares.

IMG_20160820_182930

Leve um bom tênis. Mas não esquece os chinelos, é claro.

Chegando lá, te prepara pra caminhar bastante. São vários caminhos, escadas, pequenas trilhas para chegar às falésias e às praias. Mas cada momento vale o esforço. São paisagens lindas, pessoas de vários países, tranquilidade…

A dica é levar na mochila bastante líquidos por causa do calor e alguma coisa pra comer, porque na beira das praias são poucas opções de bares e restaurantes, e com o preço salgadinho como a água cristalina do mar.

IMG_20160821_104222

A Praia do Camilo e Dona Ana são as mais concorridas. Algumas outras, com pequenas faixas de areia, têm menos pessoas e são opções para quem quer curtir um momento mais relax.

Na cidade existem muitos restaurantes, bares, festas e lojas. Ou seja, bastante coisa para ver fazer também. É muito agradável caminhar pelas pequenas ruas e becos.

Por isso, minha recomendação é que, se possível, fique uma noite ao menos. Para curtir legal.

IMG_20160820_202224

Quando ir e onde ficar?

O auge do verão na Europa é nos meses de Julho e Agosto. Obviamente, estes são os meses que as pessoas aproveitam para ganhar dinheiro. Portanto, as coisas vão estar mais caras nessa época.

A dica é tentar pegar o começo do verão, Maio e Junho, ou o fim, Setembro.

Opções de alojamento são muitas. Hotéis de cinco, quatro e três estrelas. Hostels interessantes e cheios de eventos. Guests houses, que basicamente são hotéis mais simples. E também é sempre válido tentar um couchsurfing, se tu for desses.

Tu vai gostar.

Não te assusta. Em alguns momentos vai parecer que tu está na Inglaterra. Ou na França. Ou na Espanha. Bom, tu vai ter certeza que está na Europa. De repente leve um dicionário, haha.

IMG_20160820_193622
Eu ainda não conheci alguém que voltou de Lagos sem um sorriso no rosto.
[googlemaps https://www.google.com/maps/embed?pb=!1m18!1m12!1m3!1d203518.97907090592!2d-8.877259398162506!3d37.153078814492105!2m3!1f0!2f0!3f0!3m2!1i1024!2i768!4f13.1!3m3!1m2!1s0xd1b31ce6e9198c3%3A0xcfaec04c78157e66!2sLagos!5e0!3m2!1spt-PT!2spt!4v1499452102725&w=400&h=300]
Continue lendo “Descobrindo o Algarve: #3 Lagos”

Descobrindo o Algarve: #2 Praia dos Aveiros

Continuando os posts sobre o Algarve, hoje vou falar sobre uma das tantas praias da cidade de Albufeira.

30km de costa marítima:

Esta, que é uma das cidades mais famosas do sul de Portugal, possui praias lado a lado, separadas por falésias e rochas. Além disso, é o concelho português com maior número de distinções da Bandeira Azul, “distinção atribuída anualmente pela Fundação para a Educação Ambiental (FEE) a praias (marítimas e fluviais) e marinas que cumpram um conjunto de requisitos de qualidade ambiental, segurança, bem-estar, infra-estruturas de apoio, informação aos utentes e sensibilização ambiental.”

Uma delas é a Praia dos Aveiros:

https://www.instagram.com/p/BEjG-yoKxFM/?taken-by=andreries7

O que eu posso dizer sobre ela é que é uma praia muito tranquila, frequentada em sua maior parte por famílias. Como toda costa algarvia, tem aquele mar azul lindo, mas a água é um pouco gelada.

IMG_20160424_195913399

À esquerda, ela termina com um conjunto de pedras que formam uma paisagem muito bonita. Mas tu ainda consegue caminhar por cima e chegar até outra pequena parte, onde encontra uma estreita faixa de terra e um pequeno restaurante. Ali é o fim da linha para a Praia dos Aveiros.

IMG_20160424_180429640.jpg

Se fosse possível passar, tu chegaria na Praia da Oura, outra praia lindíssima que fica mesmo ao lado. Na foto acima, tu consegue ver um edifício ao fundo que fica lá.

Indo à direita ~ de quem olha pro mar ~ não existe nenhuma divisão “física” mas chega-se à Praia dos Pescadores, passando no meio do caminho pela Praia dos Alemães.

IMG_20160424_183328672

Como chegar?

Para chegar até aqui, além dos veículos próprios, é possível pegar um ônibus na estação rodoviária de Faro que vá para Albufeira. É preciso ficar atento para poder descer na parada certa. Ou então desça na estação rodoviária de Albufeira e pegue o municipal que vá até a praia.

Quando eu fui, acabei escolhendo a segunda opção porque não sabia onde descer e se ficaria longe. Mas na hora de voltar percebi que a caminhada é muito tranquila. A região tem diversos mini-mercados, restaurante, cafés e lojinhas. Se andar um pouco mais, encontra supermercado, farmácia, etc.

Sobre ir de trem, não acho que compense. Porque a estação de comboios de Albufeira fica muito afastada e é preciso pegar um táxi ou talvez algum ônibus que passe por lá.

Enfim, é um passeio que eu super recomendo. Se puder, passe uns dois dias por lá, lugar muito bom para descansar a cabeça.

Para mais conteúdos, acesse: Facebook e Instagram.

[googlemaps https://www.google.com/maps/embed?pb=!1m18!1m12!1m3!1d4501.313789837392!2d-8.234421379225754!3d37.08346216307547!2m3!1f0!2f0!3f0!3m2!1i1024!2i768!4f13.1!3m3!1m2!1s0xd1acc0e333d3867%3A0x7a1011c675ff7f82!2sPraia+dos+Aveiros!5e0!3m2!1spt-PT!2spt!4v1499452076234&w=400&h=300]
 

Descobrindo o Algarve: #1 Praia de Faro

Se o slogan é “Algarve: o segredo mais famoso da Europa“, por que não começar a descobri-lo?

Por isso aqui vai mais uma série de posts, que vão falar sobre os vários lugares para se conhecer aqui no sul de Portugal.

A Praia / Ilha de Faro:

Se tu não entendeu essa história de “praia barra ilha”, aqui vai a explicação: existe aqui no Algarve o Parque Natural da Ria Formosa. A Ria Formosa é um sapal, uma formação de faixas de água salgada em meio à vegetações.

10-07-2013_1373461165_Ponte Praia de Faro (2)

Como pode-se ver na imagem, essas faixas de água cortam a praia e por isso ela também é chamada de Ilha de Faro. Portanto não se assuste quando estiver chegando pela primeira vez e ver aquela água tão calminha e um monte de vegetação na volta.

Como chegar:

Se tu estiver indo de ônibus, carro ou bicicleta, tu deve ir pela estrada e o que se enxerga quando está chegando são as águas da ria.

Por falar nisso, ali na direita da imagem acima tu consegue ver onde fica a parada do ônibus. Depois que desce, tu precisa atravessar a ponte a pé. A passagem até a praia é 2,25 € e tem bastante horário pra ir e pra voltar, linhas 14 e 16.

WP_20151107_014
Vista do lado da Ria Formosa

Outra forma de se chegar é de barca. A viagem de aproximadamente 30min é muito bonita, tu enxerga toda a costa da cidade de Faro, sem contar que a passagem é mais barata: 1,80 €. Mas é um serviço oferecido apenas no verão e as opções de horário são mais enxutas. Tu sobe no pier na frente das muralhas da Cidade Velha.

“Enjoy”:

Bom, depois da chegada, só resta aproveitar. A Praia de Faro é uma praia “simples”, por ser aberta, não ter falésias e pedras, mas ainda assim é lindíssima e te presenteia com paisagens incríveis.

WP_20151107_020

Lá também rola diversos eventos, geralmente organizados pelo Clube de Surf de Faro. No começo do ano acadêmico (fim de agosto, começo de setembro) rola uma aula de surf de graça pro pessoal. Eu já fiz e foi “irado”!

12
Galera aquecendo antes de cair na água

Passando o dia…

Sempre que eu posso, gosto de ir para a praia, jogar futebol, tomar um banho de mar e curtir meus amigos. Sempre levamos alguma coisa para comer e beber, até para não gastar muito. Também sempre levamos uma caixinha de música para curtir um som.

Além disso, existem diversos bares e restaurantes na beira da praia. De lá, é possível relaxar nas cadeiras e aproveitar o mágico pôr-do-sol que o Algarve nos presenteia todos os dias.

View this post on Instagram

God bless us. #nofilter #sunset #faro #portugal

A post shared by André Ries (@andreries7) on

Gostou? Já conhece esta praia? Para mais conteúdos, acesse: Facebook e Instagram.

[googlemaps https://www.google.com/maps/embed?pb=!1m18!1m12!1m3!1d6372.400460818076!2d-7.994822757420274!3d37.00501928714069!2m3!1f0!2f0!3f0!3m2!1i1024!2i768!4f13.1!3m3!1m2!1s0xd054d17b6c6a4b1%3A0x9dc0486c9387786e!2sPraia+de+Faro%2C+8005-520+Faro!5e0!3m2!1spt-PT!2spt!4v1499452025001&w=400&h=300]